I left my heart in San Francisco

Clichê, I know. Mas é verdade. Apesar de adorarmos NY (e Jerseeeeeey \o/), somos apaixonados por São Francisco.

São Francisco (SFO, para os íntimos) é cidade grande. Não chega a ser NY, mas ainda assim, é cidade grande: prédios e prédios, bares, restaurantes, museus, parques, pessoas, pessoas, pessoas. Mas o que encanta em SFO é a vibração e a atmosfera da cidade. Não sei se o clima de ar-condicionado é culpado (a cidade tem uma temperatura media de 15 a 20 graus, constante ao longo do ano, com 200 dias por ano de dias enevoados), mas a cidade parece ter um ritmo mais lento. Como os americanos diriam, as pessoas parecem ser mais laid back, ou seja, mais descansadas. E sim, elas realmente parecem ser. Parecem curtir mais a vida e a cidade, as belezas naturais e as atrações que a cidade e os arredores tem a oferecer. Diferente de NY, onde as pessoas estão sempre sempre sempre com pressa (eu me incluo aqui. Meu irmão penou quando veio e eu corria o tempo todo…). Trabalho e pressa. Então, vamos descrever SFO com calma e explicar o que nos encantou…

Primeiro, como falei, o clima. Clima friozinho pela manhã e noite, agradável durante o dia. O céu parece ser mais azul por lá… mas devemos lembrar que os dias bonitos fazem parte de apenas metade do ano de SFO. Para quem nunca visitou, a cidade tem a época de chuva (outubro/novembro a abril/maio), época em que o céu fica completamente encoberto pelas nuvens. Bye-bye, dias bonitos. No resto do ano em que praticamente não chove, os dias se dividem entre névoa absoluta, pouca névoa, alguma névoa e dia lindo. Mas, acreditem, os dias lindos fazem valer a pena…

A segunda coisa legal de SFO são as pessoas. Eu acho impossível muito difícil receber um sorriso em NY,  de motoristas de ônibus, caixas de supermercado, e, especialmente e principalmente, de funcionários nos aeroportos. Em SFO não… parece que as pessoas estão de bem com a vida… todo mundo te atende bem, com um sorriso no rosto… até puxam conversa, inclusive o cara que revista sua bolsa no aeroporto. Sorrisos e sorrisos. 🙂 Bom dia pra você também!

Terceiro, a cidade é cheia de parques. Acho que é isso… parque + clima bom = sorrisos e sorrisos. Se bem que NY tem vários parques e vários dias de clima bom… bom, vai entender.

A cidade tem um tom pastel. Pode parecer esquisito comentar isso, mas as casas são coloridinhas, normalmente em cores claras, mas algumas são azul, roxo, vermelho, preto… dão um toque especial à cidade. Além disso, quando o sol bate… lindo! Lindo! Lindo!

As cores das casas + parques fazem com que a cidade seja super prazerosa de se caminhar. Se tiver disposição, esqueça os ônibus/metrôs/lightrail/bonde e caminhe pela cidade quando possível. Curta a luz do sol nas casas… descanse num parque… pare para um café… compre um chapéu… entre numa livraria…

Seguindo a linha anterior: a cidade é cheia de cafés, brechós e livrarias. Precisa dizer mais?

Agora, vamos aos pontos negativos da cidade… em SFO você não anda, não caminha: você sobe ou desce. A cidade é cheia de ladeiras. Mas cheia mesmo. É raro você conseguir caminhar por um canto sem precisar subir, a não ser que você fique exclusivamente na orla. Isso pode se tornar um problema sério, já que o grande lance da cidade, assim como em NY, é caminhar e apreciar a arquitetura, cafés, restaurantes, padarias, brechós, livrarias… Então, aqui vai um aviso aos amigos:

– Se vocês acharam que em NY se anda muito… em SFO se anda do mesmo jeito. Mas: (1) são ladeiras, (2) não tem tanto Starbucks no caminho, então, em geral, pra usar o banheiro você precisa consumir, (3) a cidade é tão cara quanto NY, (4) tem ponto de ônibus em praticamente toda esquina, mas não metrô nem táxis a toa na rua (programe seus passeio com antecedência), (5) como de manhã e de noite é frio e ao longo da tarde é quente, você precisa carregar um casaco durante seus passeios, e (6) o sistema de transporte público nao é lá essas coisas –> às vezes você precisa fazer varias transferências pra ir de um lugar pro outro e, o pior de tudo: a partir de uma certa hora eles param (ou passam de hora em hora… sei lá).

Tirando esses pequenos detalhes, a cidade é linda linda linda… e deixamos parte de nossos corações por lá.

PS: escrevemos esse post desde 2009, eu chutaria, e se perdeu por aqui. Atualizei assim que chegamos de SFO, no meio desse mês e esqueci de postar tb. Agora foi. 🙂

Anúncios

4 respostas em “I left my heart in San Francisco

  1. Thaisa boa noite(23:54hs)
    Sou Thiago Gabriel…estou pensando em ir aos EUA em março de 2014,eu quero ficar um período de 6 meses(inicial)ai,só que:
    o que devo dizer ao consulado americano?
    Pois na verdade eu quero trabalhar e fazer um “curso básico”de inglês no próprio país,o que devo dizer na entrevista?
    Seu eu disser isto no consulado,provavelmente não irei conseguir o visto…
    Aguardo seu retorno,fique com Deus!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s